Tentativa de Homicídio aconteceu na cidade de SBU

O fato aconteceu por volta das 16H da última quinta-feira 06, na cidade de São Bento do Una, onde a GT Extra do 15º BPM foi acionada por populares, que informaram que dois elementos haviam efetuado disparos de arma de fogo contra um indivíduo.
De posse da informação, a equipe PM fez diligências e avistou os imputados 01 e 02 em uma moto, estes foram abordados e com eles foi encontrada uma arma de fogo. Diante dos fatos, os envolvidos foram conduzidos à DP de Belo Jardim para serem tomadas as medidas cabíveis.

SORTEIO DE DIA DOS PAIS NETCITY

A Netcity está te dando a chance de economizar no presente do papai com o SORTEIO DE DIA DOS PAIS NETCITY. Você, papai, pode dar um trato no visual lá no Salão Degôs, é só participar do sorteio no Facebook ou Instagram da Netcity e concorrer a um corte de cabelo e se o papai tá com queda de cabelo ou precisando dar uma recuperada nos fios, pode ganhar um tratamento capilar de graça! Corre lá no Insta ou Face da Netcity e participa!
Lembrando que o prêmio é intransferível, não vale marcar perfis de famosas, empresas ou fakes;
Lembre-se de deixar seu perfil aberto no dia do sorteio para conferirmos se seguiu todos os passos;
O sorteio será realizado nesta sexta-feira 07/08/2020 e o ganhador terá o prazo de 10 dias para
realizar os serviços (de 10 a 20/08/2020).
Participe!

Sec. de Infraestrutura de Pernambuco Fernandha Batista, visita o reinício das obras de recapeamento da PE 166 em Belo Jardim

A Secretária de Infraestrutura de Pernambuco Fernandha Batista, visitou na manhã desta quinta-feira 06, o reinício das obras de recapeamento da PE 166, que liga Belo Jardim, ao Brejo da Madre de Deus, passando distrito de Serra do Vento.
A Secretaria estava acompanhada de técnicos, do ex-prefeito João Mendonça , do deputado estadual Aluísio Lessa, representantes políticos das cidades de Belo Jardim e Brejo da Madre de Deus.

Governo do Estado confirma retorno das feiras de Caruaru, Toritama e Santa Cruz

O Governo de Pernambuco anunciou há pouco, em coletiva de imprensa, o retorno das feiras do Polo de Confecções do Agreste. As Sulancas de Caruaru e Santa Cruz, além da Feira do Jeans de Toritama que estão suspensas desde março, quando a epidemia do novo coronavírus começou no Estado, poderão voltar a partir da segunda (10).
Os municípios já vinham há semanas enfrentando dificuldades para controlar a situação. Apesar da proibição por parte do Governo de Pernambuco, os comerciantes que estavam enfrentando dificuldades tentavam vender os produtos, mesmo que de maneira irregular, e diariamente pressionam o governo e as prefeituras para o retorno.
Cenas de aglomeração, principalmente em Caruaru, ao redor do Parque 18 de Maio, ficaram cada vez mais comuns, o que vinha preocupando o estado. Havia a expectativa de que a volta acontecesse já a partir de segunda-feira (03), mas o governo preferiu analisar os casos após o avanço para a etapa 6.
A dúvida agora é se os protocolos de saúde serão seguidos corretamente para evitar o avanço da Covid-19 em Caruaru, Toritama e Santa Cruz.

Belo Jardim registra vinte e três novos casos da nova Covid-19, município conta com 1268 pessoas infectadas

A Secretaria Municipal de Saúde de Belo Jardim atualizou nesta quinta-feira 06,os números da pandemia de Covid-19 na cidade.
Até o momento, o total de casos confirmados chega a 1268, um aumento de vinte e três confirmações com relação a última terça-feira 04.
No total, 980 pessoas foram recuperadas, 15 em investigação, 35 descartados e 29 óbitos confirmados.

Advogado da Prefeitura alegou que a origem dos débitos é desde 2016 contra a Celpe

Hoje no programa a Hora da Verdade, esteve presente o Advogado Especializado em Administração Pública, Dr. Bruno Henrique. Em pauta, o débito da Prefeitura com a Celpe. O advogado explicou a origem dos débitos, o atual estágio da negociação e a Ação Judicial que a Prefeitura move desde 2016 contra a Celpe. A ação relata a falta de transparência da Celpe quanto aos valores recebidos por ela a título de contribuição de iluminação pública (que devem ser repassamos para a prefeitura), bem como a divergência de informações quanto ao consumo do município informado pela Celpe.

Celpe corta energia do Dep. De Tributos de Belo Jardim

A Companhia Energética de Pernambuco (CELPE) cortou a energia do prédio onde funciona o Departamento de Tributos de Belo Jardim, localizado na Av. Siqueira Campos. Segundo um funcionário da CELPE o fornecimento de energia elétrica seria o não pagamento do órgão municipal com a distribuidora de energia.
Até o início da tarde desta quinta-feira 06 a CELPE ainda não tinha religado a energia. De acordo com um funcionário da CELPE, a energia será restabelecida 24 horas após a prefeitura efetuar o pagamento.

Bruno Galvão pede esclarecimentos sobre reunião da Secretaria de Educação acerca do retorno às aulas no município

O vereador Bruno Galvão (PT), encaminhou um requerimento à Secretaria de Educação de Belo Jardim, solicitando informações sobre uma reunião on-line que tratou sobre o retorno às aulas do município, ocorrida no último mês.
De acordo com a divulgação feita pelas redes oficiais da Prefeitura de Belo Jardim, a reunião contou com a participação de representantes das Secretarias de Educação, e de Saúde, do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Belo Jardim (Sismubeja) e do Conselho Municipal de Educação (CME).
O vereador justificou o pedido e apontou a falta de diálogo da gestão da Secretaria de Educação com o Poder Legislativo.
“Gostaria de saber se a Comissão de Educação desta Casa foi comunicada, quais as representatividades que participaram desse momento, bem como, quais encaminhamentos foram tomados nesta reunião que discutiu restritamente, como serão os próximos dias da Educação no município”, concluiu.

Reabertura das escolas contará com volta optativa, diz secretário de Educação

A retomada das aulas presenciais em Pernambuco será optativa por parte dos pais e estudantes e mesclada com atividades à distância. Foi o que o secretário de Educação do Estado, Fred Amâncio, comentou em uma audiência pública promovida pelo Tribunal de Contas do Estado (TCU-PE) sobre o tema na manhã desta quinta-feira, quando explicava o que o protocolo sanitário de reabertura das escolas – que será divulgado nos próximos dias – deve apresentar.
“O protocolo que vamos encontrar aqui em Pernambuco é muito parecido com o de outros estados e países. Já foram criados alguns consensos sobre as medidas que devem ser adotadas nos níveis da escola, mas ele trata sobre distanciamento social, proteção e prevenção, e monitoramento e comunicação. Ele foi colocado em audiência pública para receber sugestões e contribuições de diversas instituições, nossa equipe tem estudado e a gente espera, em breve, estar divulgando a versão final desse protocolo”, afirmou. Ainda não foi batido o martelo sobre a data definitiva para a volta.
Fred Amâncio, secretário de Educação de Pernambuco, fala na audiência pública promovida pelo TCE-PE
Para amenizar o impacto da suspensão das aulas presenciais, a secretaria de Educação implementou uma série de medidas visando professores e estudantes, incluindo àqueles de pouca renda, apontados como os mais afetados pela pandemia no sistema educacional. Essas ações devem ser estendidas até depois da rebertura das escolas, levando em conta que um sistema de rodízio será implantado. O EducaPE, acesso ao Google Classroom, podcasts educativos e disponibilização de materiais no Escola Conectada foram algumas ações para manter os estudantes ativos, além de materiais impressos e iniciativas das próprias escolas.
“(As medidas) vão apoiar muito nossos professores e estudantes, não apenas nesse momento de suspensão das aulas na escola, mas mesmo na retomada das aulas presenciais – como os protocolos vão determinar que não tenha a mesma quantidade de crianças na escola – em que vai ser uma volta optativa para os pais e estudantes, esse sistema de rodízio nos obriga a implantar um sistema híbrido, em que ele vai ter atividades presenciais e não presenciais”, explicou.
André Longo, secretário de Saúde de Pernambuco, também esteve presente na audiência e apontou que não é saudável rivalizar setores da sociedade. “Não podemos trabalhar pra ter saúde versus educação. O Brasil pagou um preço pela descoordenação nacional por criar um falso dilema entre saúde versus economia. Não é trabalhando essa economia ou exaltando qualquer dicotomia entre saúde e educação que a gente vai conseguir algo positivo. Precisamos trabalhar com evidências, dentro do padrão estético-científicos, para a tomada das melhores decisões”, disse.
Já o ex-reitor da UFPE e educador Mozart Neves trouxe um estudo de Harvard que destaca a diferença na performance entre alunos de baixa e alta renda. “O desempenho dos estudantes de baixa renda caiu 50%, enquanto os estudantes que vivem em comunidades e renda mais alta não tiveram alteração de desempenho. Isso mostra claramente que, se não tivermos cuidado, a Covid-19 escancarou a desigualdade educacional no nosso país. E se nós não tivermos zelo, cuidado com todas as orientações trazidas aqui pelos secretários, nós vamos aumentar ainda mais essa desigualdade”, frisou.