Do CEO para o inferno: Servidoras dizem ser vítimas de perseguição

GEDSC DIGITAL CAMERA

Procurado pelas ex-servidoras do CEO- Belo Jardim, o Site Paredão do Povo ouviu as Senhoras Valdirene e Kátia Lígia, onde as mesmas denunciam a Coordenadora do CEO, Drª Ana Paula, em ter demitidos as duas profissionais daquela unidade simplesmente por perseguição.

GEDSC DIGITAL CAMERA

Segundo a Srª Kátia Ligia, a coordenadora do CEO havia anunciado em uma reunião que no dia 29 do decorrente mês para o dia 5 de junho, iria demitir  3 auxiliares em saúde Bucal.

Sendo que foram demitidas só duas a senhora Valdirene Boaventura,  que é a única técnica de saúde bucal  de Belo Jardim CRO 258.

Segundo as denunciantes, a Srª. coordenadora do CEO Drª. Ana Paula, alegou que as duas servidoras era uma ameaça para aquela instituição.

Conforme eu sempre digo: Todo acusado (a) tem o seu direito de defesa, caso a coordenadora do CEO Belo Jardim, queira se defender das acusações, envie para o e-mail [email protected]