Compesa suspende reajuste de 11,9% da tarifa social da conta de água

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) anunciou, nesta quarta-feira (21), a suspensão do reajuste de 11,9% da tarifa social da conta de água e esgoto. De acordo com a companhia, a fatura permanecerá nos atuais R$ 9,44, uma medida que beneficia cerca de 600 mil pernambucanos.
Na terça-feira (20), foi publicada pela Agência Reguladora de Pernambuco (Arpe) uma resolução com o reajuste, que elevaria o valor da tarifa social a R$ 10,56 a partir de 19 de agosto. A Compesa, atendendo a uma recomendação do Governo do Estado em virtude da pandemia de Covid-19, solicitou à Arpe a suspensão do aumento para a tarifa social.
“Vale destacar que os clientes da tarifa social foram contemplados com a isenção do pagamento da conta no período de março a setembro do ano passado e, novamente, de março a maio deste ano”, ressaltou a Compesa. Para as outras categorias, o reajuste será aplicado a partir de 19 de agosto.
Clientes residenciais com consumo de até 10 mil litros, por exemplo, pagarão R$ 50,50 por mês em vez de R$ 45,13 como até então. O aumento será o segundo deste ano. Em janeiro, a Compesa já havia reajustado a tarifa em 2,4%. Para autorizar a homologação da nova tabela tarifária da Compesa, a Arpe indica que o aumento será para “compensar os efeitos da inflação do período de 1º de julho de 2020 a 30 de junho de 2021”.