Rapidinhas do Paredão do Povo

É sempre assim
Essa é uma novela com capítulos conhecidos e não se restringe quando o camarada perde o poder, a turma da conveniência corre atrás do atual e, o ex-bajulado coitado, passa a conhecer os amargos da solidão. Um gato pingado ainda procura o sujeito para lamentar a insatisfação com detentor da caneta, mas quando é atendido, esquece até a rua do “EX”. “Casa de ex-prefeito ou ex-vereador o mato cresce na porta”.

Pois é
Mas a vida é uma roda gigante, hora o camarada está por riba, hora está por baixo. O poder é transitório, a justiça de Deus não. Tem ex-gestor ai que está sofrendo o pão que o bicho amassou pro erros cometidos na escolha dos sucessores, alguns romperam, outros se mantiveram até pela própria necessidade, ou por questão de estratégia. Tem deles que preferem perder com um nome caseiro e de total confiança, a aventurar com um camarada qualquer.

Por que???
Afinal, o que falta para o prefeito Gilvandro Estrela DEM caminhar com o grupão dos 12 dando mais suporte a sua gestão, inclusive sendo mais presentes? Será que uma atenção maior aos edis, ou um diálogo democrático para colocar os ‘pingos nos is’.
Pelo menos até o momento, nenhuns doze onze vereadores expressaram qualquer satisfação com o governo. Então, se não tem satisfação, por que essa ausência em massa nas agendas de inaugurações???

Nem aí
As orelhas e a cirurgia o prefeito Gilvandro Estrela deve ter coçado bastante nos últimos dias. É que lideranças têm criticado o distanciamento do gestor, que no momento está focado no cumprimento das metas estabelecidas para os cem primeiros dias de governo. Críticas e questionamentos é o que não faltam ao Chefe ao Executivo. Mas ao que parece, ele não está nem aí.

É só biquinho!
Engraçado é que criticam, criticam e quando o prefeito Gilvandro convoca esses insatisfeitos eles vão numa carreira desembestada, pianinhos, pianinhos. Essa novela já tem capítulos conhecidos. Pode aguardar que logo logo tá todo mundo satisfeito juntinho, juntinho defendendo o gestor!

Presente
E para quem acha que o ex-prefeito e ex-deputado estadual, João Mendonça (PSB) anda sumido de Belo Jardim, se engana. Apesar de não frequentar mais os bastidores políticos, a fera anda muito bem informada e continua influenciando alguns políticos belojardinenses.

Rachada
Um “Judas” da base governista disse que o grupo de situação em Belo Jardim está pra lá de rachado. Os motivos seriam as canetadas do prefeito que exonerou alguns indicados de alguns Vereadores para beneficiar outros parlamentares. O clima também não é bom no legislativo.

Ruim de telefone
Nas redes sociais, internautas fazem uma leitura crítica dos 100 dias do governo do prefeito de Belo Jardim. Pessoas inclusive que votaram no Democrata atestam a gestão “Estrela Mendonça” insossa e com pouco resultado. Estrela também tem sido criticado por ser péssima de atender telefone. No zap zap, é que o Chefe do Executivo belojardinense ignora mesmo quem a procura, foi o que nos informou alguns insatisfeitos com a postura pós-eleição do prefeito.

Repercutindo
Sites jornalísticos e outros veículos de comunicação de Belo Jardim publicaram a troca de agressão verbais entre o Vereador Zé Lopes e o Sec. de Agricultura e Meio Ambiente Prof. Chagas. Houve troca de acusações, isso porque de quem tem força e prestígio dentro do Grupo Mendonça.
Como se fosse pouco o “Muído” a rádio do Grupo Mendonça ainda abriu espaço para que o secretário se defendesse. Entre outras coisas o secretário disse as críticas se tratam de inveja, e que o ataque a ele era um ataque ao grupo e que roupa suja se lava em casa.

Quem será os candidatos Federal e Estadual em Belo Jardim?
Por falar nisso, em 2024, quem será os candidatos a Deputado Federal e Estadual em Belo Jardim? o nome do ex-prefeito Hélio dos Terrenos será ventilado, disputou duas eleições majoritárias e soma-se a isso um recall político. Por outro lado, nomes como Dr. Leonel Pimenteira, Débora Almeida, Vinicius Mendonça, e Isabelle Mendonça podem ganhar terreno, desde que se articulem.