Celpe corta fios de provedores e 4 mil pessoas ficam sem internet em Belo Jardim

Cerca de 4 mil pessoas ficaram sem internet na cidade de Belo jardim, no Agreste do Estado, após uma ação da Celpe para a retirada de ligações clandestinas em postes da rede elétrica da cidade. De acordo com moradores, a ação estava acontecendo às margens da BR-232 e, posteriormente, vão seguir para o centro do município.
Um ouvinte que não quis se identificar afirmou à reportagem da Rádio Jornal Pesqueira que muitos donos de provedores não sabiam que estavam irregulares. “Boa parte do centro da cidade poderá ser prejudicada ficando sem internet. Neste momento, muitos donos de provedores de internet estão literalmente com as mãos na cabeça sem saber o que fazer”, afirmou.
Redes clandestinas
Segundo o último levantamento estatístico da Celpe, apenas no Grande Recife, 87% dos provedores de internet utilizam clandestinamente os postes da distribuidora. De acordo com a Celpe, a companhia realiza periodicamente a fiscalização dos postes para certificar se as empresas de telecomunicações possuem contrato e estão instalando corretamente os equipamentos.
Ao identificar cabos instalados clandestinamente, a Celpe afirma que realiza a remoção imediata. De acordo com a companhia, a finalidade é garantir o suprimento de energia elétrica e a segurança da população.